em

JAQUINZINHOS COM ARROZ DE TOMATE

Uma receita portuguesa bem tradicional.
Aconselho a que peçam para arranjar os carapaus, isto é, retirar as tripas, porque têm muita areia e é uma tarefa um pouco morosa para fazer em casa.
Este arroz de tomate não leva açúcar, como é habitual. Isto deve-se ao facto de eu juntar o vinho do Porto, que já é doce. O vinho confere um sabor fantástico ao arroz, experimentem. Já agora não estranhem o facto de eu usar arroz agulha. Gosto do arroz de tomate soltinho, mas se preferirem o carolino, é só substituir e juntar a água que for necessária para ficar malandrinho.

Ingredientes (para 4 pessoas):

Para o arroz de tomate:

  • 1 cebola média picada
  • 1 dente de alho picado
  • 4 colheres de sopa de azeite
  • 4 tomates grandes bem maduros e descascados
  • 1 colher de sopa de vinho do Porto
  • água a ferver
  • 4 mãos cheias de arroz agulha
  • sal, pimenta qb
  • coentros
  • limão para decorar

para os carapaus:

  • 500g de carapaus pequenos
  • farinha de milho ou de trigo
  • óleo
  • sal

Preparação:

Colocam-se os carapaus já arranjados num alguidar e temperam-se com bastante sal grosso. Não se preocupem com o excesso de sal porque só uma pequena parte será absorvida, o restante será retirado porteriormente. Guarda-se no frigorífico, tapado.
Aquece-se uma panela com o azeite. Junta-se a cebola e o alho picados e deixa-se fritar até a cebola estar translúcida. Junta-se o tomate cortado em pedaços pequenos e mexe-se. Deixa-se cozinhar tapado durante 5 minutos, mexendo de vez em quando. Junta-se o vinho de Porto.
Junta-se o arroz, mexe-se e adiciona-se a água até tapar o arroz. Tempera-se com sal e pimenta, tapa-se e deixa-se cozinhar em lume brando. Caso o arroz esteja a ficar seco e ainda não esteja cozido, junta-se mais água a ferver.
Enquanto o arroz coze, fritam-se os carapaus. Elimina-se o excesso de sal dos carapaus e passam-se por farinha. Fritam-se em óleo quente até ficarem douradinhos (2 a 3 minutos, dependendo do tamanho do carapau). Colocar os carapaus em papel absorvente para eliminar qualquer excesso de óleo.
Quando o arroz estiver quase pronto, rectificam-se os temperos, desliga-se o lume, tapa-se e deixa-se repousar por 5 minutos.
Transferir o arroz para uma travessa, polvilhar com os coentros picados e decorar com gomos de limão. Servir de imediato com os jaquinzinhos.

Fonte: http://ascoisasdamaesofia.blogspot.com/

O que achou desta receita?

Receita deTia Adelina